Recife e Olinda celebram aniversário no dia 12 de março

Prestigie o aniversário de Recife e Olinda, duas cidades maravilhosas. – Passarinho/Pref.Olinda, CCA 2.0, Wikimedia Commons.

Apenas 10 km separam Recife de Olinda, duas encantadoras cidades do Nordeste brasileiro que comemoram aniversário no dia 12 de março. Enquanto Recife faz 485 anos, Olinda celebra 487 anos em 2022. 

Que tal programar uma viagem incrível e curtir o verão em belas praias nessas cidades que respiram história e cultura?  

Ótima ideia, heim! Com exuberantes pontos turísticos naturais e monumentos históricos centenários, os municípios pernambucanos estão entre os principais destinos turísticos do Brasil. São lugares bons para quem gosta de badalação, mas que também encantam entusiastas de recantos mais tranquilos, perfeitos para relaxar.

Destacamos relevantes informações sobre Recife e Olinda para você ter certeza de que é uma sábia decisão programar a viagem.

E caso você queira colocar em prática a ideia de desbravar o litoral brasileiro na estação mais quente do ano, confira o nosso post sobre os melhores lugares para aproveitar o verão em 2022 no Brasil.

Boa leitura!

Relevantes polos culturais do Brasil

Recife e Olinda são referências em termos de movimentos artísticos e expressões culturais que representam o Brasil em sua pluralidade de cores e ritmos. Olinda foi declarada como Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade em 1982 pela Unesco e Recife é um dos cinco patrimônios barrocos do Brasil.

Terra do frevo, maracatu e de ídolos da música

Ao passear pelas cidades, você certamente vai escutar o som do frevo, esse ritmo musical e dança que surgiu no final do século XIX. Inspirada mistura de gêneros antigos como polca, maxixe e marcha e também influenciado pela capoeira, o frevo (como música e dança) embala o carnaval pernambucano e também pode ser apreciado em Recife e Olinda ao longo do ano.

O frevo pernambucano encanta turistas do Brasil e do mundo. – Passarinho/Pref.Olinda, CCA 2.0, Wikimedia Commons.

O maracatu é outro símbolo da cultura de Pernambuco reverenciado no Brasil e em outras partes do mundo. Provavelmente surgido no início do século XVIII, a manifestação folclórica, que envolve música e dança, tem como características marcantes: expressões da religiosidade africana e a dança de grupos de pessoas vestidas com roupas coloridas.

Múltiplas influências culturais marcam o Maracatu. – Delma Paz, CCA 2.0, Wikimedia Commons.

Por essas e outras manifestações – como o Manguebeat, por exemplo – Pernambuco é um berço cultural de grande valor. O estado ainda apresentou artistas nacionalmente conhecidos como Luiz Gonzaga, Chico Science, Alceu Valença, Lenine, Johnny Hooker, entre outros. Certamente existem sons pernambucanos na sua playlist, heim?

E aí, que conhecer de perto a arte de Olinda e Recife e outros pontos turísticos de alto nível? Nos tópicos seguintes elencamos boas recomendações de passeios. Lembre-se: pela proximidade, é possível visitar atrativos das duas cidades no mesmo dia.

Dicas de passeios em Recife

Após acordar e tomar o café da manhã no hotel, siga para a famosa Praia de Boa Viagem e comece o dia aproveitando o sol quente e a brisa gostosa emanada pelo mar. Como a água é rasa e tem poucas ondas, a atração é indicada para quem viaja com criança. Muito bem estruturada, a praia possui quiosques ao longo do calçadão. Assim, você vai ter a oportunidade de tomar uma água de coco e provar petiscos enquanto observa a fotogênica paisagem recifense.

A Praia de Boa Viagem oferece excelente infraestrutura para cada banhista aproveitar os dias de sol com conforto. – CivArmy, CCA-Share Alike 4.0, Wikimedia Commons.

Pela tardezinha, é uma boa ir ao Centro Histórico de Recife – também conhecido como Recife Velho – e observar as construções coloniais, cujos estilos arquitetônicos passam por influências portuguesas e holandesas. Tire muitas fotos no Marco Zero, principal palco de eventos públicos da cidade, e depois siga para o Paço do Frevo, moderno museu que traz a história da manifestação cultural.

É no Marco Zero que acontecem as principais festas carnavalescas de Recife – Abdias Jr, CCA 2.0, Wikimedia Commons.

Quando sentir vontade de tomar suco ou uma cervejinha, petiscar ou mesmo se refrescar com um sorvete de frutas, ande até os Armazéns do Porto, um espaço moderno localizado às margens do encontro do mar com o rio Capibaripe; com vários bares, restaurantes, sorveterias e até lojas de artesanato.

O Paço do Frevo é amplo e moderno. Vale visitar. – Romina Aguiar, CCA Share Alike 3.0, Wikimedia Commons.

Com certeza você vai descobrir mais lugares incríveis na região histórica de Recife. Prepare-se para admirar belos exemplares da arquitetura clássica que contrastam com construções modernas e as paradisíacas mostras da natureza.

Para se divertir em Recife com seus familiares, grupo de amigos ou mesmo por conta própria, dá uma olhada nas passagens de ônibus oferecidas no site oficial do BuscaÔnibus por preços bem interessantes.

Chegou a hora de saber que fazer em Olinda! Veja as dicas sobre a ilustre vizinha da capital pernambucana.

Dicas de passeios em Olinda

Olinda é famosa pelos desfiles dos bonecos gigantes no carnaval e os caminhos feitos por milhares de foliões pelas emblemáticas ladeiras. É evidente que o carnaval em Olinda destaca-se como um dos melhores do Brasil, mas a cidade é maravilhosa mesmo fora do período festivo.

Olinda reúne monumentos históricos e muitas belezas naturais. – Prefeitura de Olinda, CCA 2.0, Wikimedia Commons.

Assim, pela manhã e tarde tome banhos de mar e desfrute da tranquilidade de maravilhas como a Praia do Carmo, a Praia do Farol ou a Praia dos Milagres. Perto da hora do pôr do sol, ande pela graciosa região histórica de Olinda e visites pontos turísticos como: a Casa dos Bonecos Gigantes de Olinda, a Casa de Alceu Valença e lindas igrejas como a Igreja da Misericórdia (localizada na ladeira mais íngreme da cidade), a Igreja do Carmo e a Igreja do São Francisco.

Os Bonecos Gigantes de Olinda marcam a alegria dos foliões no carnaval. – Antônio Cruz/Abr, CCA 3.0, Wikimedia Commons.

As ladeiras ainda possuem ateliês de arte, bares, restaurantes e cafeterias estilosas que recebem muitos turistas todos os anos.

O Convento de São Francisco teve a construção concluída no século XVII. – Prefeitura de Olinda, CCA 2.0, Wikimedia Commons.

Além das praias apaixonantes, Olinda é um museu a céu aberto que impressiona pela conservação e o colorido das edificações centenárias. Conclusão: o seu roteiro de viagem vai ser tão rico e cheio de surpresa quanto em Recife. Então, aproveite cada minuto do seu passeio, tá?

Decidiu programar a viagem para Olinda? O site oficial do BuscaÔnibus disponibiliza passagens de ônibus por ótimos preços!

Melhor época para conhecer Recife e Olinda

O período mais bacana para viajar para as cidades pernambucanas é entre janeiro e março, pois o clima é quente e geralmente chove pouco. Ou seja, o mês do aniversário de Olinda e Recife é a melhor época do ano para tomar banho nas águas mornas das praias, pegar um bronze e até aproveitar o movimento nos pontos turísticos.

A temperatura média em Recife e Olinda em março é de 26 °C, podendo passar de 30 °C, no fim da manhã e início da tarde. Em razão do calor, não se esqueça de utilizar protetor solar durante os passeios e inclua na mala roupas leves e confortáveis.

Prepare-se para um passeio inesquecível

Mesmo se não for viável viajar no dia 12 de março, convide as pessoas mais queridas do seu convívio social para visitar cidades-irmãs pernambucanas na melhor oportunidade possível, porque é um desses passeios que não podem deixar de ser feitos.

Olinda e Recife disponibilizam ótima estrutura hoteleira, são agraciadas com um povo hospitaleiro e – como você percebeu pelas informações do post – contam com incontáveis possibilidades de diversão. Não tenha dúvidas. Existem atividades de lazer para visitantes de todas as idades.

Já sabe, né? O BuscaÔnibus sempre oferece passagens de ônibus para esses e outros destinos turísticos do Brasil. Pesquise e encontre pelos melhores preços.